New Property

loading...

Ser Entrepreneur é uma alternativa à carreira corporativa?

Ser entrepreneur é uma alternativa à carreira corporativa?

Para nós a resposta é sim!

O CEO da KW Portugal, Eduardo Garcia e Costa, partilhou em 2018 a sua visão sobre este assunto com o IIHR – Instituto de Informação em Recursos Humanos. Continua a ser actual e por isso transcrevemos na íntegra essa sua partilha.

“Durante este século, a economia portuguesa tem estrangulado, de forma crescente, as oportunidades no mundo corporativo para as pessoas mais qualificadas ou talentosas. Em paralelo, o apelo do Entrepreneurship tem sido crescente (mais start-ups, mais mediatismo, mais incentivos, mais literatura, mais seminários,…), fazendo mesmo parte dos programas de ensino universitário. Por isso, esta é uma pergunta que cada vez se tem tornado mais frequente para vários profissionais.

Uma boa forma de caracterizar este dilema é descrita no livro Pai Rico, Pai Pobre, do autor Robert Kiyosaki, onde essencialmente os empregados e auto-empregados (onde se incluem os médicos e advogados) trocam o seu tempo por um rendimento horário. Os donos de um negócio (Entrepreneurs) fazem leverage num modelo/sistema de negócio, o que lhes permite a escalabilidade necessária para romper com esta correlação entre tempo dedicado e rendimento.

Esta é a razão porque 5% da população (os Entrepreneurs) têm 95% da riqueza. A realidade do Entrepreneurship diz-nos que este elevado potencial de rendimentos tem um risco associado. Este risco é de dois tipos:

  • financeiro: como aceder aos fundos necessários? Quando o negócio vai deixar de necessitar de fundos adicionais?
    e
  • económico-operacional: como operacionalizar num negócio uma ideia que o mercado valoriza? Como equilibrar a estrutura de custos com a evolução de receitas? Qual o planeamento necessário? Qual o tempo de aprendizagem para executar o que foi planeado?

Estas incertezas acabam muitas vezes por neutralizar o possível entusiasmo de pessoas qualificadas ou talentosas em seguir o caminho do Entrepreneurship.

Ao contrário da percepção desenvolvida no mercado, a carreira de consultor imobiliário é uma carreira de Entrepreneurship com a grande vantagem de ver resolvida muitas destas incertezas, mantendo o potencial de rendimentos de um negócio de elevada dimensão.

Esta não é a visão que existe sobre esta oportunidade de carreira, pois tradicionalmente, o sector de Mediação Imobiliária olha para a actividade dos consultores imobiliários como uma actividade comercial exercida essencialmente de forma individual, e chama-lhes empresários, quando na realidade são auto-empregados à semelhança de um Advogado ou Médico.

E o auto-emprego não é apelativo para um movimento Entrepreneurship ambicioso o que não tornava atractivo esta alternativa para pessoas mais qualificadas ou talentosas. A leitura atenta do livro E-Myth do autor Michael E. Gerber revela que os movimentos de Entrepreneurship começam tipicamente com o modelo de auto-emprego e só evoluem para um negócio se baseados em modelos e sistemas que lhes permite a escalabilidade necessária.

Os modelos e sistemas para passar de um modelo de auto-empregado para a montagem de um negócio de 1 Milhão de Euros com a actividade de consultor imobiliário são descritos no livro Millionaire Real Estate Agent (MREA) do autor Gary Keller. O negócio do consultor imobiliário tem como base estrutural um elevado nível de serviço a clientes compradores e proprietários em oposição ao modelo mais transaccional que é tradicional no sector.

Este negócio deverá ser suportado em quatro modelos e sistemas todos descritos no livro MREA. Um dos modelos baseia-se no marketing sistemático e estruturado a uma base de dados para gerar novas oportunidades de negócio suportado no serviço prestado a clientes. Outro dos quatro modelos baseia-se no recrutamento, formação e liderança de uma equipa multidisciplinar. Os dois restantes modelos garantem o rigor económico e orçamental.

A formação e treino surgem como elementos essenciais que permitem implementar estes 4 modelos e consequentemente atingir, sem os riscos tradicionais de Entrepreneurship, um negócio de elevada dimensão e romper com a tradição do auto-empregado neste sector.

Por tudo isto, a carreira de consultor imobiliário é provavelmente a maior oportunidade de carreira e de empreendedorismo que se apresenta actualmente no mercado português pois permite ter um negócio com a dimensão financeira e os recursos humanos que a carreira corporativa nos habituou.”

Na Keller Williams encontrámos o ambiente certo para desenvolver a nossa nova carreira e mudar de vida. Gostamos de partilhar com todos este nosso caminho e por isso queremos desafiá-lo para uma conversa informal sobre o que tem sido a nossa actividade e resultados. Poderá ter interesse para si ou para alguém do seu circulo de amizade.
Parece-lhe bem?
Até breve!

Francisco Gameiro – 925358869
Ana Menano – 962024682

ENCONTRE UM IMÓVEL
Inscreva-se

Seja o primeiro a conhecer os nossos imóveis e a receber novidades e as últimas notícias do mercado!